Disruptores endócrinos e o surgimento de doenças que podem causar queda capilar

Você já deve ter tomado seu chá ou cafezinho em copinhos ou xícaras plasticas, certo?
Pois então,  você sabia que dependendo do tipo de composição desses recipientes,  quando os utilizamos com bebidas muito quentes eles podem liberar agentes químicos chamados de disruptores metabólicos ou endócrinos?
Disruptores endócrinos são substâncias químicas que podem chegar ao nosso organismo das mais variadas formas.  Em especial via oral, respiratória ou cutânea.  O risco desses disruptores está relacionado ao fato de que uma vez que eles adentram nosso organismo poderão interferir de forma importante no comportamento de células, tecidos e órgãos.
No caso dos disruptores endócrinos,  suas estruturas químicas parecidas com a de hormônios promove interferência na forma como os tecidos que são alvos dos hormônios funcionam. Podendo,  por não serem compatíveis com aqueles hormônios que nosso corpo produz e está acostumado a metabolizar, causar doenças de gravidade variada.
Uma delas extremamente relacionada com a queda de cabelos é a síndrome dos ovários policísticos. A queda capilar é um sinal clínico comum nas mulheres que sofrem com esse problema.
A questão que envolve o risco que os disruptores hormonais causam para a saúde vem sendo cada vez mais estudada, ainda que pouco divulgada pois no no mundo atual não estar exposto a qualquer um desses agentes é algo bem raro, ainda que tentemos evitar.
Algumas imagnes nesse post mostram como funcionam os disruptores hormonais, em que tipos de produtos podem ser encontrados, assim como os tipos de problemas de saúde que podem decorrer do contato com esses agentes.
Conhecer mais sobre o tema ajuda a diminuir o risco de exposição,  mas não impede o contato com os agentes.
A pergunta que fica é,  será que o aumento da incidência de determinadas doenças relacionadas à imunidade, sistema endócrino, psiquiátricas ou neurológicas não seria resultado da exposição da população em geral a esses agentes? E será que tantos outros agentes poluentes ou químicos aos quais estamos expostos não seriam também motivo de  atenção quanto aos riscos à saúde?
Referências:
http://www.pollutionissues.com/Ec-Fi/Endocrine-Disruption.html#b
http://panswiss.org/en/problem/endocrine-disrupters/
Fenichel P, Chevalier N, Brucker-Davis F. Ann Endocrinol (Paris). 2013 Jul;74(3):211-220
SHARE

  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
    Comentários Blogger
    Comentarios Facebook