Comentários sobre o uso de produto com concentração alta de dexpantenol

Comentários sobre o uso de produto com concentração alta de dexpantenol (Bepantol Derma) para os cabelos - é o que realmente se diz em textos e blogs?
5 de novembro de 2012

Em primeiro lugar, quero deixar claro que não escrevo neste blog para divulgar qualquer empresa ou produto. E que por isso não tenho conflito de interesses com marcas ou laboratórios que venham a ser citados.

Ainda assim, comentarei sobre um produto que ainda não tem similar no mercado e que vem sendo amplamente divulgado em sites especializados e mídia em geral, podendo vir a citar seu nome comercial no título ou corpo neste texto.

Sou um tanto reticente quando vejo muitos comentários benéficos sobre um determinado produto como sendo maravilhoso, milagroso ou qualquer tipo de adjetivo que dê a impressão de algo que seja fora do comum.

Tenho acompanhando, e não é de hoje, blogs, revistas e sites exaltando os efeitos benéficos do uso de um produto com alta concentração de dexpantenol (Bepantol Derma Solução) para os cuidados com os fios de cabelo.

Tive a oportunidade de conhecer o produto faz algum tempo, quando vi na gôndola de uma farmácia essa opção que também pode ser utilizada para os cuidados com a pele. Assim como a pomada, utilizada para assaduras de bebês, imaginei que pudesse ser um produto untuoso, com certo grau de pegajosidade (necessária quando aplicamos nas assaduras dos pequenos), ou mesmo que deixasse uma sensação de oleosidade excessiva.

Percebi, ao contrário do que pensava, que se trata de um produto extremamente fluído. Diferentemente da maioria dos produtos que contém o óleo de argan, por exemplo, não costuma deixar resíduos quando aplicado sobre a pele e pode ser utilizado também para fins de cuidados com as peles que estão sensíveis.

Imaginei usos variados para o produto, ser aplicado na pele após a depilação em mulheres, ou após a barba nos homens, visto os benefícios do pantenol na recuperação da pele sensibilizada. Até mesmo após esfoliação ou, quando em clínicas médicas, após a aplicação de peelings.

Para fins capilares, os fatos são que o pantenol é um produto amplamente utilizado em uma variedade imensa de marcas de xampus, condicionadores, condicionadores sem enxague e máscaras para os cabelos. Logo, pensar no uso do dexpantenol em alta concentração (Bepantol Derma Solução) para esse fim não seria uma grande novidade, visto que se trata de um ativo já conhecido.

Mas como diz minha amiga Sheila Martins, farmacêutica, cosmetóloga das Faculdades Oswaldo Cruz e empresária, a cosmetologia vive de coisas antigas que são reinventadas, repaginadas e que voltam com toda a força em modismos cíclicos.

Ou seja, para mim, o que o laboratório que lançou o produto no mercado fez foi reinventar o pantenol, em sua versão dexpantenol, e criar para esse ativo um veículo simples, mas que consegue ser efetivo naquilo que promete: hidratação por higroscopia, pela capacidade do ativo de fixar água nos fios de cabelo, favorecendo assim a beleza, o brilho e a maciez dos mesmos.

Mérito para quem teve essa brilhante ideia, porque o produto realmente é bom, e o que é melhor ainda, não faz mal para a saúde dos fios nem para a pele.

Sobre como utilizar, deixo para as colegas blogueiras, jornalistas e sites especializados comentarem. Mas realmente se trata de uma opção interessante, principalmente quando estamos diante de cabelos que sofrem com químicas, exposição a secadores e pranchas, sol, mar e piscina, como é o caso dos cabelos das brasileiras.
SHARE

  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
    Comentários Blogger
    Comentarios Facebook